EUROPA, ITÁLIA, Veneza

Praça São Marcos – Veneza

Veneza – Amor a Terceira Vista

Conheci Veneza em Abril/2005. Era frio (passei muuito frio), nos perdemos e fomos para uma área onde fedia muito, não entrei na Basílica devido a fila, não fui a Murano, não andei de gôndola… Não me xinguem, mas não gostei de Veneza. Todos dizem que Veneza é única. Então para mim, visitar Veneza uma única vez estava mais do que suficiente.

veneza-ponte Em Abril/2005 e em Março/2014

Em 2010 fui fazer um cruzeiro pela Grécia. O cruzeiro partia de onde? Veneza. Justo Veneza? Porquê não direto da Grécia??

Porém tive uma visão de Veneza de dentro de um transatlântico, às 18hs quando os sinos de todas as igrejas tocam e várias pessoas na Praça São Marcos acenam! Opa, parece que me agradei com Veneza!!

veneza-navio Em 2010, passando por Veneza no navio.

Em 2014 surge uma viagem com a família toda. Família com descendência Italiana. O roteiro começa por…. VENEZA! rsrs . Justo onde deveria ser visita única.

Na terceira vez a cidade me acolheu, fez com que eu gostasse dela…. Dia lindo de Primavera, com a família quase completa e o que achei essencial para entender mesmo a cidade: com uma guia!

veneza-praça

veneza-basílica Em Abril/2005 e em Março/2014

A Praça São Marcos

Com certeza você já ouviu falar na famosa Piazza San Marco. Podemos dizer que a praça é o “centro” de Veneza, é onde tudo que é mais importante em Veneza se localiza – Duomo e seu Campanário, os melhores restaurantes, as principais lojas de cristais de Murano, a Torre do Relógio, a Biblioteca, o Palazzo Ducale e muitos, muitos pombos rsrsrs. (Leia aqui o post sobre a  Basílica São Marcos)

veneza-praça-san-marcoA praça vista do Museu da Basílica (Leia aqui o post sobre o Museu da Basílica)

Foi construída inicialmente por volta do século IX apenas sendo uma praça em frente a Basílica. Com o tempo muitos eventos importantes foram acontecendo ali, fazendo com que o Doge que tomava conta da cidade a aumentasse.

veneza-palácio

Prepare-se pra ver Leão para todos os lados! O Evangelista São Marcos, padroeiro da cidade, possui um leão alado como símbolo. O leão, além de símbolo de Veneza, é exposto como forma de homenagear o padroeiro e também como proteção a cidade.

veneza-símbolo

veneza-portal

Se você chegar a Praça vindo do Canal Grande uma das primeiras esculturas que você verá são de duas grandes colunas, como portais para a  praça. No topo de uma coluna há o famoso leão alado, e em outra há a escultura de São Teodoro com uma lança em um crocodilo – São Teodoro era o padroeiro da cidade antes de São Marcos.

veneza-biblioteca

Ali, entre as duas colunas eram feitas as execuções em praça pública dos condenados, já que o Palácio da Justiça (Palazzo Ducale) está localizado também ali compondo a praça (a gente conta mais sobre o palácio em um post só dele).

veneza-palácio-ducal A esquerda Palazzo Ducale e a direita a Biblioteca Marciana de Veneza.

veneza-leão Saída do Palazzo Ducale.

A praça reúne vários aromas, e um dos principais ao passear ao entorno da praça é o cheiro de café novo. Ali está a cafeteria mais antiga da Europa – Caffè Florian. O local já recebeu inúmeros famosos, entre eles: Goethe, Casanova, Rousseau… Se não estiver disposto a pagar muitos euros por um cafezinho, ao menos passeie pela frente do local: a mistura de cheiro, som de violino e arquitetura linda faz parar o tempo.

veneza-cafe-florian

veneza-cafe

Outra cafeteria muito antiga e muito famosa que também está ali (ao lado oposto do Caffè Florian) é o Caffè Ristorante Quadri. Local onde o compositor Richard Wagner costumava tomar seu café da manhã durante o tempo que morou em Veneza. Gosto de pensar que a praça deve ter servido de inspiração para algumas de suas belas composições.

veneza-café-quadri

Ao lado oposto da Basílica está o Palácio do Napoleão. Em 1797 Napoleão invadiu a cidade, levou os cavalos de bronze que estavam na Basílica para a França e fez algumas “reformas” na praça, incluindo a construção de seu Palácio. Napoleão caiu em 1814 justamente quando sua escultura iria ser colocada na frente do palácio. Hoje é possível ver várias esculturas, e ao centro o espaço vazio da então não finalizada escultura de Napoleão.

veneza19 Palácio de Napoleão.

Se tiver fila para entrar na Basílica aproveite o tempo para olhar com calma a Torre do Relógio (já que durante a fila você vai ficar de frente para o relógio). Feita no século XV em ouro, esmalte e mármore, funciona perfeitamente até hoje.

veneza-torre-relógio Torre Dell’Orologio.

veneza-relógio

veneza-pombas

A torre possui, além do famoso leão alado segurando o evangelho de São Marcos, o relógio mais completo que já vi. É possível conferir a hora, as fases da lua e até mesmo os signos do zodíaco. Bem no topo há escultura de dois homens que batem o sino. O homem com barba representa o passado e bate o sino um pouco antes da hora, e o homem sem barba representa o futuro e bate o sino um pouco depois da hora.

veneza-sino

Praticamente em frente a Basílica, e tão alta que pode ser vista de vários pontos de Veneza, fica o Campanário. É muito comum na Itália vermos as torres das igrejas localizadas fora da própria igreja, com a de Veneza não é diferente. O campanário é basicamente a torre dos sinos da igreja.

veneza-campanário

veneza-itália

A verdade é que entre o início de sua construção, durante o século IX, até a construção que vemos hoje (finalizada em 1912), a torre mais servia de para-raios precisando passar por várias reformas devido às fendas que os raios causaram – inclusive a torre chegou a desmoronar após um raio e foi preciso reconstruí-la. Hoje ela possui para-raios.

veneza-bandeira

Pagando 8 euros é possível subir seus 98,6 metros de elevador e ver seus 5 sinos. Dizem ter uma vista linda de Veneza – não subi, a fila aqui é maior do que para entrar na Basílica.

Curiosidades:

– A Praça é o ponto mais baixo de Veneza, sendo o primeiro local a ficar inundado. Você ainda pode passear por lá, mas o deslocamento é feito por tábuas sobre palafitas.

– O famoso Festival de Cinema de Veneza entrega um troféu em forma de Leão Alado ao vencedor.

– Próximo ao Palazzo Ducale e a Ponte dei Sospiri está o Hotel Danieli onde Angelina Jolie e Johnny Depp filmaram O Turista.

– Uma parte original do livro poético de Homero “Ilíade” encontra-se na Biblioteca de Veneza.

– A cada ano a água de Veneza sobe 2 cm, provando que a cidade um dia irá ficar inundada. Corre conhecer!

Aqui tem mais lugares legais que conhecemos na Itália:

Acompanhe as novidades do blog também pelo nosso Facebook e Instagram

Reserve seu Hotel em Veneza aqui no Banner do site Booking. Você não paga a mais por isso, mas ajuda a manter o Blog no ar, pois recebemos um comissão através da parceria com o Booking. 🙂

E se precisa alugar um carro na Itália é só pesquisar aqui na RENTALCARS. Você aluga um carro com uma empresa segura, ajuda o Blog e passeia tranquilo pelas lindas cidades italianas.

Não esqueça de comprar seu seguro antes de viajar. A REAL SEGURO VIAGEM tem um buscador que compara os preços em várias corretoras. E o blog também recebe uma comissão pelas vendas sem alterar o seu custo.

Seguro viagem europa 468x60