EUROPA, ITÁLIA, Padua

Basílica Santo Antônio-Pádua

Pádua como toda boa cidade italiana é antiga, murada e cheia de charme. Fica bem no centro da região do Vêneto, à 47 km de Veneza e também se tornou um grande centro artístico e cultural depois de fundada sua faculdade em 1222. Sendo a segunda mais antiga na Itália, teve como professores de física Galileu Galilei e Copérnico.   

Apesar dos vários pontos turísticos da cidade, o que valeria passar mais do que um dia lá, o principal atrativo é a Basílica de Santo Antônio, e como tínhamos apenas uma manhã na cidade (e uma mãe super devota do Santo) claro que visitamos esse monumento.

Basílica de Santo Antônio – Pádua

basilica-santo-antonio

claustro-basilica-padua

O Santo Antônio

Em Lisboa, Portugal, em torno de 1195 nascia um Santo, sendo seu nome de batismo Fernando Martim de Bulhom. Ficou conhecido por Antônio quando ele mesmo assim se nomeou antes de começar uma peregrinação para o Marrocos. Porém no caminho ficou doente e foi morar no interior da Itália. Ao longo da vida pregou por toda a Itália e França a pedido do governo e da igreja, conseguindo fazer com que inúmeras pessoas que haviam se desligado da igreja encontrassem novamente sua fé.

Santo Antônio se fixou em Pádua. Reformou a cidade e ajudou os pobres. Devido a outra doença foi levado para um convento em Campossanpietro. Santo Antônio morreu em 13 de junho de 1231. Embora adorasse a cidade de Pádua, e deixasse claro sua vontade de ali morrer, acabou não aguentando e veio a falecer na eminência de entrar em Pádua, em uma cidade vizinha. Pádua por sua vez, agradecida por tudo que havia recebido dele construiu uma Basílica. Em 1232 foi canonizado, e 4 anos depois, durante o traslado do seu corpo até Pádua, foi encontrada sua língua ainda rosada.

porta-basilica-paduaDetalhe na porta de entrada da Basílica

padua-imagem-santo

A Basílica de Santo Antônio

Um ano após sua morte iniciou-se a construção. A Basílica de Santo Antônio é um centro de peregrinação mundial até os dias de hoje.

maquete-basilica

O seu estilo é uma mistura do gótico, romântico e barroco, porém cheia de detalhes bizantinos. Ela foi construída com a intenção de abrigar os restos do Santo franciscano e de suas relíquias.

basilica-st-antonio-padua

basilica-st-antonio

A Basílica apesar de não ser a catedral é a maior da cidade, com 155 metros de comprimento e 39 de altura, pena não poder fotografar no interior dela, pois é muito linda. 

M10764Foto site: www.basilicadelsanto.org

Entramos na Basílica e a contornamos pelo lado do túmulo de Santo Antônio, que fica na Capela da Arca. Seguimos em uma fila lenta, pois muitos param para agradecer, tocar, fazer orações e pedidos diante de sua sepultura.

DSCF0564Foto site: www.basilicadelsanto.org

Mais a frente está a Capela da Virgem Maria, ela era uma pequena igreja chamada Santa Maria Mater Domini onde estava o corpo do Santo até 1262, pois era seu desejo ser enterrado lá, então ela foi anexada posteriormente à Basílica. Mais a frente está a Capela das Relíquias, onde estão dezenas de relíquias de diversos santos, além da principal, a Língua de Santo Antônio. Eu sei que soa meio nojento, mas está lá….

As paredes das relíquias são enormes, e tem até um mapinha numerado pra explicar cada uma delas, mas algumas estão tão no alto e são tão pequenas que nem dá de entender direito o que são, as vezes só um pequenininho pedaço de tecido dentro de um relicário dourado coberto de pedras preciosas fica difícil de enxergar.

A parte que achamos mais interessante das relíquias foi a túnica do Santo Antônio, apesar de estar bem deteriorada, é a parte que nos faz sentir mais próxima da vida do Santo. Além da língua também estão expostas o queixo e as cordas vocais, mas confessamos que nem procuramos por estas.

O corpo do Santo Antônio também já foi exposto algumas vezes na Basílica, porém é bem raro de acontecer, a última vez foi em 2010.

basilica-santo-antonio-padua

praça-basilicaEntrada dos Claustros

Na outra lateral saímos para conhecer os claustros da Basílica. Depois de passar pela lojinha, claro, entramos no Claustro da Magnólia, um pátio interno com um pé de Magnólia gigante e antiguíssimo no centro.

patio-basilica-st-antonio

claustro-santo-antonio-padua

claustro-santo-antonio

Desse pátio você pode ir para várias outras áreas de visita (o museu, a biblioteca, outros Claustros, o confessionário…) e para o Claustro de Santo Antônio, que foi onde terminamos nossa visita com uma escultura super querida do Santo Antônio te dando a mão.

santo-antonio

claustro-padua

Curiosidades:

  • Os afrescos da Capela principal foram feitos pelo pintor Giotto. Giotto é um dos precursores do renascimento, foi ele quem introduziu a perspectiva nas pinturas da época, então não deixe de olhar para o teto.
  • Na frente da Basílica se encontra a primeira obra realizada por Donatello em Pádua, o Monumento Eqüestre Guattamelata.

M11293Foto site: www.basilicadelsanto.org

  • As placas de bronze no Altar Maior são obras de Donatello, além do grande crucifixo e das 6 estátuas dos Santos.
  • Em frente a Basílica está a casa em que viveu Donatello em 1450.

donatello-casa

Santo Casamenteiro

Aqui no Brasil é comemorado dia dos namorados em 12 de Junho, justamente véspera do dia de Santo Antônio, 13 de Junho (aniversário de sua morte). Neste data as solteiras aproveitam para fazer seus pedidos, promessas e até simpatias. (E a mãe fazia nós fazermos algumas….)

Existem várias histórias sobre porquê Santo Antônio é conhecido por Santo Casamenteiro. A mais comentada é apenas que ele era um bom conciliador entre os casais. A história que mais gostamos conta que uma moça solteira, indignada por não conseguir um marido, joga a estátua do Santo pela janela e atinge um rapaz que estava passando. Ao gritar pelo machucado na cabeça a moça corre ajudá-lo. Eles se apaixonam e casam! Literalmente “no Amor e na Dor” 😀

 Obs: No casamento da Dana, no lugar do bouquet ela jogou um boneco do Santo… mas a moça que o pegou logo depois rompeu com seu namorado… Conselho às solteiras: se a virem com um Santo Antônio na mão, corram!! rsrsrsr

Léli e Dana

INFORMAÇÕES ÚTEIS:

Piazza del Santo, 11, 35123 Padova, Itália

Horário de funcionamento: segunda a sexta 6:20 às 19:00/sábados e domingos 6:20 às 19:45 após a última missa. 

Site oficial: http://www.basilicadelsanto.org/

Aqui tem mais lugares legais que conhecemos na Itália:

Acompanhe as novidades do blog também pelo nosso Facebook e Instagram

Reserve seu Hotel em Pádua aqui no Banner do site Booking. Você não paga a mais por isso, mas ajuda a manter o Blog no ar, pois recebemos um comissão através da parceria com o Booking. 🙂

E se precisa alugar um carro na Itália é só pesquisar aqui na RENTALCARS. Você aluga um carro com uma empresa segura, ajuda o Blog e passeia tranquilo pelas lindas cidades da Itália.

Não esqueça de comprar seu seguro antes de viajar. A REAL SEGURO VIAGEM tem um buscador que compara os preços em várias corretoras. E o blog também recebe uma comissão pelas vendas sem alterar o seu custo.

Seguro viagem europa 468x60